segunda-feira, 26 de setembro de 2011

CHEGA AO FIM O ZONAL DO JOGOS ABERTOS EM JUAZEIRO

Valente e Juazeiro são os grandes vencedores do terceiro zonal dos Jogos Abertos do Interior
Foto Paulo Neves Ascom SudesbNo final do terceiro zonal dos Jogos Abertos do Interior, realizado no município de Juazeiro, a maior festa foi protagonizada pela cidade de Valente, que faturou quatro medalhas de ouro, no vôlei e basquete masculinos e no futsal e handebol femininos, já os donos da casa conquistaram três, no handebol e futsal masculinos e no vôlei feminino. O evento é promovido pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia - Sudesb.
O zonal foi disputado por oito cidades: Araci, Miguel Calmon, Jaguarari, Capim Grosso, Campo Formoso, Valente, Senhor do Bonfim e Juazeiro. Neste domingo, foram definidas as equipes da região que estão aptas a participar da grande final em Vitória da Conquista. As vagas foram garantidas para os medalhistas de ouro e prata de cada modalidade.
A final do basquete masculino, entre Valente e Juazeiro, foi muito disputada, com as duas equipes lutando ponto a ponto. No final, uma cesta de três pontos ajudou a definir o placar, de 36 a 33, em favor da equipe de Valente. "Foi um jogo apertado, porém muito especial. É a primeira vez que conquistamos neste evento um título para o basquete. Agora é treinar muito para ir com tudo para a final", disse o atleta Bruno Oliveira.
Fotos Paulo Neves Ascom SudesbA cidade de Valente faturou quatro ouros e também uma prata no vôlei feminino. Os cincos resultados positivos foram comemorados em cada solenidade de entrega de medalhas por toda a delegação. "Estamos muito felizes. A nossa cidade está em festa. Viemos preparados, treinamos muito, e agora é só festejar e concentrar para a final", afirmou o chefe de delegação, Alberto Araújo.
Os anfitriões também celebraram cada conquista, com direito ao famoso peixinho no handebol masculino. Mas foi o último jogo do dia, no futsal masculino, entre Juazeiro e Miguel Calmon, que mais arrancou gritos da torcida. A torcida de Miguel Calmon estava animada com apitos, tambores, bandeiras e gritos de guerra. A partida teve direito a onze gols. No primeiro tempo, Juazeiro abriu o placar. No segundo período, Miguel Calmon, que mostrou um bom futebol e arrancou gritos da platéia, empatou. Os donos da casa voltaram a ficar na frente, mas cederam o empate novamente.
Foto Paulo Neves Ascom SudesbCom isso, a partida foi para a prorrogação, que permaneceu sem gol. O jeito foi decidir nos pênaltis e Juazeiro levou a melhor, vencendo por 4 a 3. "Foi uma partida eletrizante. As duas equipes jogaram muito. Disputa de pênaltis, para mim, é sinônimo de loteria. É sorte mesmo", disse o atleta de Miguel Calmon, Marcelo Marques.
Márcia Simas - direto de JuazeiroAscom/Sudesb

Nenhum comentário: