Projetando áreas esportivas? Conheça os materiais mais indicados - Blog Casa Nova Esportiva

Projetando áreas esportivas? Conheça os materiais mais indicados

MADEIRA É NA MADEIREIRA FRANCISCANA.

Para quadras de uso externo os pisos mais utilizados são os de base asfáltica ou de concreto com pintura acrílica; já nos ginásios cobertos, os pisos de madeira com base flutuante são ideais, pois servem à maioria das modalidades esportivas.

Olha que piso lindo é esse! 

Pisos e revestimentos


Além do propósito final do equipamento esportivo, a especificação do piso deve considerar diversos fatores. Marcio Veiga, diretor-técnico da fabricante Recoma, cita a segurança para os jogadores, uma vez que o revestimento deve ter a capacidade de absorver parte do impacto causado por saltos e quedas, o custo de construção e de manutenção, a durabilidade e a multiplicidade de aplicações.
Algumas federações esportivas, conta o profissional, exigem dos fabricantes testes que comprovem o atendimento a requisitos mínimos de desempenho e segurança antes de aprovar ou recomendar o revestimento. Os testes avaliam a performance do produto em itens como rolagem da bola, absorção de impacto e resposta quando submetidos a cargas dinâmicas e estáticas. 
Segundo Eduardo de Castro Mello, em quadras de uso externo os pisos mais utilizados são os de base asfáltica ou de concreto com pintura acrílica. Em ginásios cobertos, os pisos de madeira com base flutuante são os mais indicados, uma vez que servem à maioria das modalidades esportivas.

Nenhum comentário