terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Olimpíada Rio 2016: 10 medalhistas marcantes da história olímpica brasileira

Interessados em ser patrocinador
 ligue para (74) 98811-4402 
Realização: Blog Casa Nova esportiva
Estamos há menos de 200 dias do início da Olimpíada no Rio de Janeiro. 

O Brasil tem um total de 108 medalhas conquistadas em 21 edições, sendo 23 de ouro. 

Hoje relembro 10 medalhistas históricos do nosso país.

1. Robert Scheidt- vela: 5 medalhas olímpicas ( 2 ouros, 2 pratas e 1 bronze). Pode obter a 6º em 2016. Começou com um ouro em 1996 na classe Laser. Em 2000 na mesma classe foi prata. Voltou a ser ouro em 2004. Em 2008 mudou para a Star ao lado de Bruno Prada e conquistou a prata. Em 2012 a dupla era favorita ao ouro, mas terminou com o bronze. Desde 1996, nunca saiu de uma Olimpíada sem medalha.
Exibir galeria.
Robert Scheidt

2- Torben Grael- vela: 5 medalhas ( 2 ouros, 1 prata e 2 bronzes). Começou com uma prata em 1984 ao lado de Ronaldo Senfft e Daniel Adler, na classe Soling. Em 1988 um bronze com Nelson Falcão, na Star. Em 1992 saiu sem medalha. Em 1996 o início da vitoriosa parceria com Marcelo Ferreira, na Star com um ouro. A dupla seria bronze em 2000 e ouro em 2004.
Exibir galeria.
Torben Grael

3- Adhemar Ferreira da Silva- atletismo: 2 ouros. Eu gostaria que um dos maiores fenômenos da história olímpica do Brasil tivesse 5% do espaço na mídia dado a Ayrton Senna. Falecido em 2001, Adhemar obteve no salto triplo, duas medalhas de ouro em 1952 e 1956. O seu 1º ouro foi tão espetacular, que ficou 24 centímetros a frente do medalhista de prata, Leonid Shcherbakov, da União Soviética.
Adhemar

.
4- Guilherme Paraense- tiro: 2 medalhas ( 1 ouro e 1 bronze). O 1º medalhista de ouro do Brasil em Olimpíadas, em uma modalidade que nunca mais obteve conquistas relevantes. Em 1920 venceu a prova individual de pistola tiro rápido 25 metros e foi bronze com a equipe na pistola 50 metros.

.
5- Giba- vôlei: 3 medalhas ( 1 ouro e 2 pratas). Dentre vários ídolos do vôlei brasileiro que participaram de mais de uma conquista de medalha olímpica, como Maurício, Giovane, Dante, Rodrigão e Serginho; destaco Giba. Foi um dos melhores na conquista do ouro em 2004 e participou dos vice-campeonatos de 2008 e 2012.
Exibir galeria
Giba Vôleibol
.
6- Rodrigo Pessoa-hipismo: 3 medalhas ( 1 ouro e 2 bronzes) O grande nome da história do nosso hipismo. Venceu a duríssima disputa individual em 2004 ( ficou com o ouro após o doping do irlandês Cian O'Coonor) e ainda colaborou nos bronzes da equipe em 1996 e 2000.

7- Cesar Cielo- natação: 3 medalhas ( 1 ouro e 2 bronzes). Um dos momentos mais emocionantes da história do nosso esporte olímpico foi o ouro de Cielo em Pequim 2008, nos 50 livres. É o único ouro da natação brasileira. Na mesma Olimpíada foi bronze nos 100 livres. Em 2012 bronze nos 50 livres.

8- Emanuel- vôlei de praia: 3 medalhas ( 1 ouro, 1 prata e 1 bronze). Um símbolo da modalidade no Brasil. Foi ouro em 2004 ao lado de Ricardo, bronze em 2008 com o mesmo parceiro e prata em 2012 com Alison. Não conseguiu vaga para 2016.

9- Joaquim Cruz - atletismo: 2 medalhas ( 1 ouro e 1 prata). O garoto de Brasilia foi o grande nome brasileiro nos jogos de 1984, vencendo os 800 livres. Em 1988 Seul foi prata na mesma prova.

10- Jaqueline e Sandra- vôlei de praia: 1 ouro. Na estréia do vôlei de praia em Olimpíadas, o 1º ouro das mulheres brasileiras, com direito a dobradinha na final contra Monica e Adriana.

Nenhum comentário: